Disciplinas

Quadro de Horários 2022.1

 

 

 

EMENTAS

 

Obrigatórias

FCH526/20041 - HISTÓRIA SOCIAL - 68h
Ementa: Dicussão das principais correntes e temas em História Social com base em textos historiográficos, teóricos e monográficos. Análise de conceitos chaves da História Social, tais como: estratificação e grupos sociais, movimentos sociais, formação de classe, etnicidade, classe, gênero e poder.
 
FCH505/20041 - METODOLOGIA DA PESQUISA - 68h
Ementa: O objetivo desta disciplina é discutir métodos, fontes e técnicas de pesquisa a partir da leitura crítica e discussão dos projetos de pesquisa apresentados pelos mestrandos ao se submeterem à seleção. No final do seminário, esses alunos terão reformulado seus projetos e estarão prontos para darem início à coleta de dados.
 
 

Optativas

PPGH20 - COLONIALIDADE, DIÁSPORA NEGRA E NACIONALIDADES - 68h
Ementa: O curso aborda teorias sociológicas sobre raça, modernidade e colonialidade, sob a luz da historiografia sobre colonização e da formação de nações americanas. Ênfase especial é dada às grandes narrativas nacionais de mestiçagem, embranquecimento e de negritude, em confluência com a luta por cidadania dos afrodescendentes. Serão ministradas cinco aulas públicas por conferencistas estrangeiros em ciclo de seminários intitulado Diáspora negra e nacionalidades nas Américas.
 
FCHH28 - HISTÓRIA, POLÍTICA, CULTURA E MEMÓRIA - 68h
Ementa: O objetivo desta disciplina é discutir métodos, fontes e técnicas de pesquisa a partir da leitura crítica e discussão dos projetos de pesquisa apresentados pelos mestrandos ao se submeterem à seleção. No final do seminário, esses alunos terão reformulado seus projetos e estarão prontos para darem início à coleta de dados.
 
PPGH22 - CULTURA POLÍTICA E SOCIEDADE NAS ECONOMIAS DE EXPORTAÇÃO NAS AMÉRICAS - 34h

Ementa: O curso discute textos clássicos do pensamento latino-americano e estudos acadêmicos dos EUA e da Grã-Bretanha sobre a relação entre os seres humanos e seu entorno ecológico, sempre mediado pelos conflitos e negociações entre os próprios seres humanos para determinar o que, como e quanto se produz em um determinado território, além de conflitos em torno de como a vida daqueles que produzem os bens é reproduzida – ou não, como veremos no caso do açúcar no Brasil e no Caribe. Portanto, para entender a configuração mutável de poder e território nas Américas desde o século XVI, analisaremos tanto a produção das mercadorias que moldaram o mercado mundial capitalista - prata, ouro, e açúcar e no período colonial e café, algodão, petróleo, cobre - no período industrial - como a reprodução dos produtores desses mesmos bens. O estudo dos conflitos e negociações gerados em torno da produção de mercadorias, além de sua distribuição e consumo, e a reprodução dos produtores dessas mercadorias, permitirá conhecer aspectos fundamentais da história social, cultural e intelectual, econômica, ambiental e política do Brasil, Colômbia, Chile, Bolívia, Peru, Haiti, Cuba, México, Guatemala, e EUA.

 

PPGH23 - PENSANDO A RESISTÊNCIA: O CONCEITO E SEU USO NA HISTÓRIA DOS IMPÉRIOS IBÉRICOS (SÉCULOS XVI-XVIII) - 34h

Ementa:  O curso se propõe a realizar um balanço do uso do conceito de resistência pela historiografia interessada em temas caros à História Moderna e dos impérios ibéricos. Depois de um breve exame da reformatação do conceito e de sua ascensão nas ciências humanas, a partir dos anos 1980, os encontros visitarão sua ativação em debates acerca da atuação de grupos minoritários ou subalternos em face da dominação colonial; das estratégias de movimentação política das elites locais; e da conversão ou dos esforços de disciplinamento religioso de povos originários, africanos escravizados e mesmo de cristãos de velha cepa em contexto americano.

 

PPGH24 - O PATERNALISMO: HISTÓRIA E QUESTÕES - 34h

Ementa: De olho nas formas pelas quais a cidadania foi, tanto pensada e construída, quanto condicionada e limitada pelas percepções e práticas da dominação de classe, assim como influenciada pelas possibilidades, formas e modalidades das experiências dos sujeitos a ela submetidos, o minicurso tem objetivo de examinar o conceito de paternalismo nos debates sobre a História Social.

 

 

 

 

 
Portuguese, Brazil